Óleo de Rícino: Tratamento Capilar

Já ouviu falar em óleo de rícino, ele é queridinho de muitos pelos seus excelentes benefícios, se não conhece, que tal conhecer?

O óleo de rícino é o óleo extraído das sementes da mamona, esta é uma planta bastante comum em nosso país. As sementes da mamona contém entre 40 e 50% de óleo. A semente em si é tóxica, mas o seu óleo, rico em ácido ricinoleico, não é tóxico.

Entre seus componentes estão os ácidos graxos, sendo o principal o ácido ricinoleico, exclusivo dessa planta. Ele contém também o ácido oleico (parcela do ômega 9), ácido linoleico e ácido linolênico (parcelas do ômega 6), ácido palmítico e ácido esteárico, além de sais minerais e vitamina E.

E dê uma olhada no que ele pode tratar:

  • Enxaqueca
  • Constipação intestinal
  • Queimaduras de Sol
  • Distúrbios menstruais
  • Problemas gastrointestinais
  • Inflamações
  • Infecções por fungos
  • Acne

Além disso seus benefícios são muito altos no tratamento capilar.

Para hidratar e nutrir os fios:

Lave os cabelos com shampoo sem sal. Se você faz o cronograma capilar, na fase de nutrição, coloque uma colher de chá de óleo de rícino e duas colheres de sopa do seu hidratante de preferência. Passe nos cabelos úmidos e deixe agir por 30 minutos, enxágue em seguida. Evite deixar resíduos.

Para as pontas duplas, misture o óleo de rícino com óleo de coco. Passe a mistura apenas nas pontinhas dos fios, deixe agir por 2 horas e lave os cabelos normalmente. Por ser bem espesso evite passar o óleo puro no comprimento dos fios.

Para crescimento dos cabelos:

O óleo de rícino, quando aplicado e massageado diretamente sobre o couro cabeludo, estimula o crescimento de um cabelo forte e saudável, pois ele melhora a circulação sanguínea, o que é vital para estimular o crescimento do cabelo e evita a sua queda.

Contém ácido graxo omega 6 que estimula o couro cabeludo e folículos pilosos, fortalecendo os fios, de modo que quando eles crescerem, ficarão menos frágeis.

Massageie os cabelos por mais ou menos 5 minutos. Após isso, coloque uma touca plástica e deixe o produto agir por algumas horas. Depois lave os cabelos normalmente.

No entanto, pessoas com muita oleosidade não devem manter o óleo de rícino por muito tempo no couro cabeludo. O ideal é aplicar no começo do banho e retirá-lo completamente com o uso do shampoo.

Combate à caspa:

Ele também tem propriedades antifúngicas que limpam o couro cabeludo, ajudando a combater a caspa, que normalmente é causada por fungos. Além disso ele evita o ressecamento dos fios, prevenindo a descamação do couro cabeludo. Mas é importante ressaltar que ele sozinho não resolve este problema, ele deve ser aliado aos tratamentos indicados pelo dermatologista.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s